“Respira fundo e conta até dez”

Os ritmos de vida são cada vez mais stressantes e isso tem implicações nas nossas vidas e de quem nos rodeia. É um efeito dominó que é preciso parar. A opinião da nossa farmacêutica.

 

Por Sónia Teles | farmacêutica

O mês de novembro iniciou-se com o Dia da Consciencialização Para o stress . Esta palavra, stress , faz parte da nossa linguagem diária mas será que sabemos mesmo o que quer dizer?! Esta patologia é uma resposta do organismo a determinados estímulos físicos e emocionais como um acontecimento significativo e que nos afeta emocionalmente. Por exemplo, o divórcio, o desemprego ou o falecimento de um ente querido. Aliás, quase todas as exigências da sociedade atual potenciam as situações de stress . Poroutro lado, o stress , até certo ponto, pode ser positivo ao impelir à resolução dos problemas que surgem. Aquilo que os atletas sentem antes da competição também é uma forma de stress mas que os leva a ultrapassar os obstáculos. Em situações de stress , o corpo reage produzindo certas hormonas, alterando a pressão arterial e o ritmo cardíaco. Como tal, se os níveis de stress não forem controlados, podem dar origem a problemas de saúde físicos. Para evitar que o stress tenha estas consequências físicas há que encontrar estratégias para o controlar. Deve-se tentar levar uma vida o mais tranquila possível identificando os fatores desencadeantes de situações de stress na sua vida de modo a evitá-las. O exercício físico, a alimentação, os passatempos, o estreitamento de laços sociais, inclusive através da partilha das nossas preocupações com os outros, parecem ter um efeito positivo. Também é muito importante saber gerir o nosso tempo equilibrando o tempo dedicado ao trabalho, à família, ao lazer e ao descanso. Quando estas estratégias falham, há que procurar ajuda profissional. A nível farmacêutico, podemos recorrer a algumas substâncias que podem ajudar em situações iniciais. Suplementos com panax ginseng, rodiola rosea, 5-hidroxitriptofano (5HTP), passiflora incarnata, crataegus ou valeriana officinalis podem ser uma primeira resposta em situações de stress . O farmacêutico também pode ajudar a identificar se a situação é ligeira ou se, pelo contrário, a situação já é grave o suficiente para procurar ajuda médica. De qualquer das formas aconselhe-se sempre e procure ajuda. Os profissionais existem para isso mesmo.

Please follow and like us:

Faça o primeiro comentário a "“Respira fundo e conta até dez”"

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.


*


Gostaste do que leste? Assina, faz gosto e partilha