“A Tabacaria” no Palácio do Sobralinho

Estreia a 2 de novembro, às 21h30, no Palácio do Sobralinho, em Vila Franca de Xira, uma adaptação inédita para ópera do poema “Tabacaria”. Um poema escrito em 1928 por Álvaro de Campos serve de mote para esta ópera de câmara de Luís Soldado, com encenação de Alexandre Lyra Leite, direcção musical de Rui Pinheiro e interpretada por o barítono Rui Baeta, a soprano Inês Simões, acompanhados por um ensemble composto por Daniela Pinheiro (flauta), Catherine Stockwell (fagote), Magda Pinto (viola) e Sofia Azevedo (violoncelo). Esta é a terceira produção da companhia teatral Inestética no domínio da ópera contemporânea. Anteriormente já tinham apresentaram “Serei Eu Fugindo?” (2013), com libreto de Rui Zink, e “O Corvo” (2015), de Edgar Allan Poe, editado em CD. “A Tabacaria” estará em cena até 19 de novembro.

Please follow and like us:

Faça o primeiro comentário a "“A Tabacaria” no Palácio do Sobralinho"

Comentar

Gostaste do que leste? Assina, faz gosto e partilha