Arruda e Vila Franca são concelhos cada vez mais jovens

Há cada vez mais idosos em Portugal já que a taxa de natalidade mantém-se demasiado baixa. Porém, há regiões onde a tendência é a inversa, como é o caso de Vila Franca de Xira e Arruda dos Vinhos. O município da região oeste regista, aliás, a maior taxa de crescimento populacional do país com 1,4%, entre 2011 e 2016. De acordo com os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), apenas 34 municípios registaram uma evolução positiva da população, sendo a área metropolitana de Lisboa é, em todo o país, aquela que engloba maior número de concelhos com crescimento urbano. Alcochete, Amadora, Cascais, Loures, Mafra, Montijo, Odivelas, Oeiras, Seixal, Sesimbra e Vila Franca de Xira são alguns dos exemplos. Benavente e Entroncamento, no Ribatejo; Valongo, a norte; e Santa Cruz (na Madeira) também tiveram uma evolução positiva natural e consequência também na migração. Contudo, no resto do país o cenário é bastante diferente. O índice de envelhecimento aumentou em 95% dos municípios portugueses, atingindo, sobretudo, as sub-regiões do Interior Norte (Alto Tâmega, Terras de Trás-os-Montes e Douro) e Centro (Beiras e Serra da Estrela, Beira Baixa e Médio Tejo), com destaque para Almeida (Guarda), Vila de Rei, Oleiros e Penamacor (Castelo Branco) e Castanheira de Pera (Leiria), que registaram um aumento em mais de 100 idosos por 100 jovens.

Please follow and like us:

Faça o primeiro comentário a "Arruda e Vila Franca são concelhos cada vez mais jovens"

Comentar

Gostaste do que leste? Assina, faz gosto e partilha